RSS Feed

Quatro livros e tanto mais


Estava indo pra praia (yes, eu caminhei e até tomei aquele banho libertador), falando ao telefone com uma grande amiga (minha adorada "buarquiana exagerada"), quando, indo pro lixo, vi quatro livros.

Sim, meus caros e poucos leitores: quatro livros indo para o lixo!
Em bom estado de conservação. Dois deles da Lya Luft, um da Valéria Piassa Polizzi, e outro da Cynthia Freeman.
Cla-a-aro que os tomei para mim.
Não entra na minha cabeça alguém que compra Lya Luft, e os joga fora... deve ter ganho, sei lá. Cada um tem seus motivos.

E eu tenho muitos pra ler. Ler muito. Há meses essa fome voltou. E que delícia saciá-la!!
O dia-a-dia é um vilão nessa história - ainda mais pra quem trabalha com computadores. Mas, é justamente por aqui, nessas ondas virtuais, que tenho encontrado mais motivação para ler. Que delícia navegar por esses blogs e ir encontrando pensamentos, frases, poemas, imagens... Pessoas.

Sou a prova de que amizades do mundo virtual podem vir para o real (salve San! Mônica-Flor! Carla "de Mila"! entre tantos outros queridos...); e que é possível manter por aqui as que já se têm (Jaqueeeeeee!!). Fora os que conhecemos e vamos mantendo em esperança nessa rede de coisas boas (aí, a lista seria enormeee!! graças a Deus!)

Enfim, peguei os quatro livros, e cá estão, na minha escrivaninha, pedindo leitura... Depois do Machado... do Pessoa... do Fonseca... do Cury... da Cecília.... Que venham todos e me façam alguém melhor!!

8 registraram seu vôo por aqui:

Tina disse...

Oi moça!

Eu não tenho coragem de jogar livro no lixo! Por que não doar para uma biblioteca ou uma escola? Tem gente que não pensa, não sente, não lê...

Sol na Boca é uma delícia não? Eu também vi e adoro MM linda de viver.

Obrigada pela visita e pelo link, fiquei contente. Volte mais vezes, eu volto logo, combinado?

beijo grande e boa domingo,

Sandra Rossi disse...

Infelizmente as pessoas não sabem mais valorizam o que é bom. Para muitos, ler é cansativo, ter cultura significa pensar, e isso dá trabalho.
:(


Qto a mim, se quiserem jogar alguns livros no lixo lá de casa, podem jogar, dou um jeitinho rapidinho nele, rss.

Menina da Imprensa disse...

Livro no lixo?! Isso deveria ser crime hedidondo! Quem os resgata deveria merecer ao menos uma medalha de honra ao mérito ;o)
Vim xeretar seu blog, e adorei. Será que eu posso voltar?
Kisses

Márcia(clarinha) disse...

Como pode alguém jogar livro nos lixo, não terão ido por engano?
Custo a crer que de propósito foram parar lá.
Ainda bem que os encontrou e resgatou, farão seus dias mais felizes, com certeza.
Creio na realidade das amizades que sairam do virtual para um real abraço, MM é uma delas, amo essa flor tão querida, e Tina e tantos outros que se fizeram de carne e pele gostosa para mim.
Lindo dia, flor
beijos

Roseane, disse...

Eu já li por aí, que devemos ler os livros e passar a diante. Não para o lixo, mas talvez a pessoa tenha entendido errado. Curiosidade, qual era o livro da Lya Luft? Eu acho muito legal quando conhecemos amig@s virtuais. Eu já escrevi sobre isso. Minha lista está ficando grandinha. Se quiser bisbilhotar, aqui está o link:
nutriane.blogspot.com/2007/09/mundo-virtual-x-mundo-real.html
Boa semana!!! E amanhã vai ter quadrilha e desfile da miss no meu arraiá, aparece.

Patty disse...

Querida, isso deveria ser crime, concordo com você! Não quer mais, doa, não é?

Muiiiito obrigada pela sua visita tão gentil, quem sabe não nos encontramos na FLIP então? Um beijooooo

FINA FLOR disse...

linda, se nosso povo anda jogando crianças pelas janelas, jogar livros no lixo não é nada.

lamentável!!!

uma ótima semana para você, flor

beijocas

MM.

FINA FLOR disse...

ah, e respondendo o que perguntou no orkut: siiiim, comemoramos 6 anos e foi lindo.

rsrsr*

beijos

MM.